Páginas

Guerra dos Farrapos

Guerra dos Farrapos

domingo, 30 de dezembro de 2012

Tese de Guerdjef ( Thesis Guerdjef )



Tese de Guerdjef
Tese de um pensador russo chamado Guerdjef, que no início do século passado já falava em auto-conhecimento e na importância de se saber viver.
Dizia Guerdjef:
“Uma boa vida tem como base o sentido do que queremos para nós em cada momento e daquilo que, realmente, vale como principal”.
Assim dizendo, ele traçou 20 regras de vida que foram colocadas em destaque no Instituto Francês de Ansiedade e Stress, em Paris.
Dizem os “experts” em comportamento que quem já consegue assimilar 10 delas, com certeza aprendeu a viver com qualidade.

1) Faça pausas de dez minutos a cada duas horas de trabalho, no máximo. Repita essas pausas na vida diária e pense em você, analisando suas atitudes.

2) Aprenda a dizer não, sem se sentir culpado ou achar que magoou. Querer agradar a todos é um desgaste enorme.
3) Planeje seu dia, sim, mas deixe sempre um bom espaço para o improviso, consciente de que nem tudo depende de você.
4) Concentre-se em apenas uma tarefa de cada vez. Por mais ágeis que sejam os seus quadros mentais, você se exaure.
5) Esqueça, de uma vez por todas, que você é imprescindível. No trabalho, casa, no grupo habitual. Por mais que isso lhe desagrade, tudo anda sem a sua atuação, a não ser você mesmo.
6) Abra mão de ser o responsável pelo prazer de todos. Não é você a fonte dos desejos, o eterno mestre de cerimônias.
7) Peça ajuda sempre que necessário, tendo o bom senso de pedir às pessoas certas.
8) Diferencie problemas reais de problemas imaginários e elimine-os porque são pura perda de tempo e ocupam um espaço mental precioso para coisas mais importantes.
9) Tente descobrir o prazer de fatos cotidianos como dormir, comer e tomar banho, sem também achar que é o máximo a se conseguir na vida.
10) Evite se envolver na ansiedade e tensão alheias enquanto há ansiedade e tensão. Espere um pouco e depois retome o diálogo, a ação.
11) Família não é você, está junto de você, compõe o seu mundo, mas não é a sua própria identidade.
12) Entenda que princípios e convicções fechadas podem ser um grande peso, a trave do movimento e da busca.
13) É preciso ter sempre alguém em que se possa confiar e falar abertamente ao menos num raio de cem quilômetros. Não adianta estar mais longe.
14) Saiba a hora certa de sair de cena, de retirar-se do palco, de deixar a roda. Nunca perca o sentido da importância sutil de uma saída discreta.
15) Não queira saber se falaram mal de você e nem se atormente com esse lixo mental; escute o que falaram bem, com reserva analítica, sem qualquer convencimento.
16) Competir no lazer, no trabalho, na vida a dois, é ótimo… para quem quer ficar esgotado e perder o melhor.
17) A rigidez é boa na pedra, não no homem. A ele cabe firmeza, o que é muito diferente.
18) Uma hora de intenso prazer substitui com folga 3 horas de sono perdido. O prazer recompõe mais que o sono. Logo, não perca uma oportunidade de divertir-se.
19) Não abandone suas 3 grandes e inabaláveis amigas: a intuição, a inocência e a fé!
20) E entenda de uma vez por todas, definitiva e conclusivamente:
VOCÊ É O QUE SE FIZER SER!
_______________________________________________________________

Thesis Guerdjef
Thesis of a Russian thinker called Guerdjef, which at the beginning of the last century already talked about self-awareness and the importance of knowing how to live.
Guerdjef said:
"A good life is based on the sense of what we want for us in every moment and what really counts as primary."
So saying, he outlined 20 rules of life that have been highlighted by the French Institute of Anxiety and Stress in Paris.
They say the "experts" who have behavior that can assimilate 10 of them certainly learned to live with quality.

1) Take breaks of ten minutes every two hours, at most. Repeat these pauses in daily life and think of you, analyzing their attitudes.
2) Learn to say no without feeling guilty or think that hurt. Wanting to please everyone is a huge attrition.
3) Plan your day, yes, but always leave a good space for improvisation, aware that not everything depends on you.
4) Focus on only one task at a time. Why are more agile than their mindsets, you are exhausted.
5) Forget it, once and for all, that you are indispensable. At work, home, in the usual group. As much as you dislike it, everything goes without his performance, except yourself.
6) Let go of being responsible for the pleasure of all. Are not you the wishing, the eternal master of ceremonies.
7) Ask for help when needed, having the good sense to ask the right people.
8) Differentiate real problems of imaginary problems and eliminate them because they are a waste of time and precious occupy a mental space for more important things.
9) Try to find pleasure in everyday events like sleeping, eating and bathing, without also think that is the most one can achieve in life.
10) Avoid getting involved in anxiety and tension while outside there is anxiety and tension. Wait a bit and then resume the dialogue, the action.
11) Family is not you, is with you, compose your world, but it is not its own identity.
12) Understand principles and convictions that can be closed a large weight, the beam movement and search.
13) One must always have someone that they can trust and talk openly at least within a hundred miles. No use being further.
14) Learn the right time to step aside, to withdraw from the stage, leaving the wheel. Never miss the subtle sense of the importance of a discrete output.
15) Do not wanna know if you have spoken evil nor torment yourself with this mental garbage; hear what they spoke well with analytical reserve, without any conviction.
16) Competing at leisure, at work, in family life, ... is great for those looking to get exhausted and lose the best.
17) The stiffness is good in stone, not in man. The it fits securely, which is very different.
18) One hour of intense pleasure handily replaces 3 hours of lost sleep. The pleasure recomposes more than sleep. So do not miss an opportunity to have fun.
19) Do not leave your big 3 and steadfast friends: intuition, innocence and faith!
20) And understand once and for all, definitively and conclusively:
YOU ARE WHAT IF YOU BE!

15 conselhos de Eike Batista para quem quiser ser o próximo bilionário (15 councils Eike Batista who want to be the next billionaire)





O mundo precisa ser conquistado
“Minha mãe enxergava no mundo um lugar muito bom de viver, mas palco também de uma prova de resistência que precisava ser vencida com tenacidade ferrenha e obstinação que jamais fariam desistir ao primeiro obstáculo.”

Você acredita em você?
Um empreendedor é alguém que acredita na própria capacidade de realizar, pensa e repensa as etapas do seu projeto e dá vida a ele. Enxerga o que ninguém mais enxergou. Executa com eficiência. Isto vale para qualquer negócio. Seja qual for a dimensão. Antes de tudo, acredite em você.

Diga sim, quando todos dizem não
Aceitar o risco é um dom? Possivelmente, sim. Sempre estive preparado para dizer sim na minha vida. As pessoas costumam afirmar que é muito importante saber dizer não. É verdade. Eu já disse alguns. Mas talvez um dos segredos na minha trajetória empresarial seja a prevalência do sim.

Aprenda a aguentar a pressão
Alguém que se desespera em situação de crise, ou não tem a frieza necessária para enfrentar um obstáculo inesperado, deixará se vencer pelo estresse. (…) O estresse separa os homens dos meninos, os verdadeiros empreendedores dos que jamais montariam um negócio por sua própria conta e risco.

Arrisque, mas com os pés no chão
Arriscar não é partir para um voo cego. É ter coragem para enfrentar obstáculos que certamente surgirão. Com previsibilidade e planejamento, o risco se torna oportunidade.

Empresa precisa ter dono – e, às vezes, você estará sozinho
Um líder empresarial não deve delegar certas decisões. Algumas serão sempre solitárias. Muitas vezes é preciso deixar o coração em casa antes de tomar uma resolução. (…) No meu íntimo, eu me convenci então de que uma empresa precisa ter dono. O princípio de ser dono de um negócio é manter sempre vivo o alinhamento com seus parceiros e com o mercado.
Uma empresa precisa ter dono também para não correr o risco de se ver espremida entre forças antagônicas. Os caminhos, possibilidades e propostas que se apresentam no dia a dia de uma corporação são muitos. Quando existe a figura do controlador não há espaço para indecisão. Para o bem ou para o mal, ele decide.

Compartilhe seus sonhos com sócios estratégicos
Uma coisa ficou clara desde cedo: o espírito aventureiro precisava estar associado à pesquisa e ao compartilhamento de risco. (…) Aprendi a me associar. Tinha compreendido então os benefícios da presença de um sócio estratégico. Eu era desapegado o suficiente para abrir mão de parte dos meus negócios para vê-los gerar mais riqueza.

O corpo fala
“Um líder adquire o dom de ler o pensamento do interlocutor na expressão de seu rosto, numa sobrancelha franzida, num pigarro, num meneio de cabeça, num coçar de orelha. As pessoas têm muito a dizer com pequenos gestos e maneirismos. Enquanto expõe uma ideia, observe seu ouvinte.”

Seja humilde e aprenda a ouvir
A humildade é outro aspecto importante e correlato à capacidade de ouvir. Se você acha que só o que está na sua cabeça é válido, não terá interesse no que o outro tem a propor. Muitas das minhas ideias foram aprimoradas depois de conversas informais ou sugestões de especialistas e amigos (…). Quem ouve recebe ideias valiosas. Quem fala e não ouve apenas despeja suas verdades nas pessoas e a troca não acontece.

Cuide de todos os aspectos do projeto
Acredito que o empreendedor deve perseguir uma visão multidisciplinar, que proporcione clareza em relação a todos os procedimentos. Visão 360 graus é observar o entorno jurídico, político, financeiro, ambiental, social, humano, logístico, mercadológico e operacional.

Não deixe espaço para “puxadinhos”
Sou fanático por conceitos eficientes. Detesto “puxadinho”. Não me contento com nada que se defina como “mais ou menos”. Vivo para a excelência. É o que tenho em mente, quando vislumbro o futuro de minhas empresas e do Brasil.

O capital é de uma covardia descomunal
O capital é covarde. Esta é uma verdade no mundo dos negócios. O capital é de uma covardia descomunal e tem o poder de paralisar o capitalista quando ele se esconde atrás do próprio patrimônio. O medo é o grande inimigo do empreendedor, e o limite entre o medo e a paralisia é tênue.

Saiba quando parar
O tempo certo em cada negócio, aquilo que as pessoas chamam de “timing”, foi outro trunfo em meus empreendimentos. Mesmo nos casos de insucesso, fui feliz ao reconhecer o momento certo de parar. Eu me refiro ao que as pessoas qualificam como stop loss no mundo das finanças. Stop loss quer dizer interromper as perdas. Ou, em português mais claro, aceitar uma derrota.

Prepare-se: um dia, você vai errar
Não pense que é infalível ou que um negócio só vai dar certo de tudo for feito com a mais absoluta perfeição. Isso é utopia. (…) Não há perfeição num negócio. Faça, refaça, corrija e avance. A única coisa certa no mundo dos negócios é que você vai errar. Se tiver humildade para reconhecer esta verdade, terá meio caminho andado para aprimorar suas práticas como empreendedor.

Nunca terceirize os erros
É muito importante quando o empreendedor se assume como o responsável por um fracasso. Se há uma equipe, e se essa equipe conta com um líder, o fracasso é sempre responsabilidade dele. Nunca terceirize os erros. Não aponte o dedo nem jogue a responsabilidade sobre terceiros. O outro não é a melhor desculpa para um fracasso. O reconhecimento do erro engrandece o empreendedor. Costumo dizer o seguinte: feliz de mim que cometi erros.
____________________________________________________________

The world must be won
"My mother saw the world a very good place to live, but also the stage of an endurance needed to be overcome with fierce tenacity and stubbornness that would never give up at the first hurdle."

Do you believe in you?
An entrepreneur is someone who believes in their ability to perform, thinks and rethinks the stages of your project and give life to it. Sees what no one else saw. Performs efficiently. This goes for any business. Whatever size. First of all, believe in yourself.

Say yes when everyone says no
Accepting risk is a gift? Possibly, yes. I've always been prepared to say yes in my life. People often say that it is very important to know how to say no. It's true. I've said some. But perhaps one of the secrets in my business career is the prevalence of yes.

Learn to handle the pressure
Someone who despairs in a crisis situation, or do not have the coolness needed to face an unexpected obstacle, will be overcome by stress. (...) The stress separates the men from the boys, the real entrepreneurs of a business that never would ride at your own risk.

Risk, but with feet on the ground
Venturing is not leaving for a flight blind. It's having the courage to face obstacles that will surely arise. With predictability and planning, risk becomes opportunity.

Company owner needs to have - and sometimes you'll be alone
A business leader must not delegate certain decisions. Some will always be lonely. Often it is necessary to leave the heart at home before taking a decision. (...) In my heart, I was convinced then that a business owner needs to have. The principle of being a business owner is to keep alive the alignment with our partners and the market.
A business owner also needs to have to not run the risk of being squeezed between opposing forces. The paths, possibilities and proposals that arise in everyday life of a corporation are many. When there is the figure of the controller there is no room for indecision. For good or for ill, he decides.

Share your dreams with strategic partners
One thing became clear early on: the adventurous spirit needed to be linked to research and risk sharing. (...) I learned to associate. He was then understood the benefits of the presence of a strategic partner. I was detached enough to give up part of my business to see them create more wealth.

The body speaks
"A leader takes the gift to read the mind of the interlocutor in the expression of his face, a furrowed brow, a hawk, a nod, an ear scratch. People have a lot to say with small gestures and mannerisms. While exposes an idea, watch your listener. "

Be humble and learn to listen
Humility is another important aspect and correlate the ability to hear. If you think only what is in your head is valid, will have no interest in what the other has to offer. Many of my ideas were improved after informal conversations and suggestions from experts and friends (...). Who hears receive valuable ideas. Who speaks and hears not only turns its truths on people and the exchange does not happen.

Take care of all aspects of project
I believe that entrepreneurs should pursue a multidisciplinary approach that provides clarity in relation to all procedures. 360 degree vision is to observe the legal environment, political, financial, environmental, social, human, logistical, marketing and operational.

Do not leave room for "puxadinhos"
I'ma fanatic efficient concepts. I hate "puxadinho." I am not content with anything that is defined as "more or less". Live for excellence. It is what I have in mind when I glimpse the future of my company and Brazil.

The capital is a huge cowardice
Capital is a coward. This is true in business. Capital is a coward and has enormous power to paralyze the capitalist when he hides behind the own heritage. Fear is the great enemy of the entrepreneur, and the boundary between fear and paralysis is tenuous.

Know when to stop
The right time for every business, what people call "timing" was another asset in my endeavors. Even in cases of failure, I was happy to recognize the right moment to stop. I refer to what people describe as stop loss in the world of finance. Stop loss mean stop losses. Or, in Portuguese clearer accept defeat.

Prepare yourself: one day, you will miss
Do not think it is infallible or that a business will only make sure everything is done with absolute perfection. This is utopia. (...) There is no perfection in business. Do, re, correct and proceed. The only sure thing in business is that you can go wrong. If you have the humility to recognize this truth, you will be half way to improve its practices as an entrepreneur.

Never outsource errors
It is very important when the entrepreneur is assumed to be responsible for a failure. If there is a team, and this team has a leader, failure is always his responsibility. Never outsource errors. Do not point fingers or throw the responsibility on others. The other is not the best excuse for a failure. The recognition of error magnifies the entrepreneur. I often say: happy that I made mistakes.