Páginas

Guerra dos Farrapos

Guerra dos Farrapos

domingo, 16 de junho de 2013

As Atitudes Tudo ou Nada ( Attitudes All or Nothing )

Percebo que as pessoas que decidem
transformar sua vida
desenvolvem um tipo especial de atitude.
Elas se empenham em cada ação
como se a vida inteira dependesse desse esforço.
Elas vêem a construção do futuro como a única forma de viver
como fazem os oficiais com seus soldados
em situações desfavoráveis de batalha.
Em outras palavras,
decidem queimar as pontes que permitem retroceder.
Nessas decisões radicais, é importante assumir,
também, um comportamento radical.
Nos grupos de Alcoólicos Anônimos fala-se muito
sobre o perigo de tomar um único copo de bebida,
pois a decisão de parar de beber tem que vir
acompanhada de uma atitude do tipo tudo ou nada.
Uma pessoa dependente dos pais que resolve morar sozinha
não pode mais chegar atrasada ao emprego
porque perdeu a hora.
Terá, pelo menos, de comprar um despertador eficaz
porque não haverá ninguém para acordá-la toda manhã.
Um empresário que está à beira da falência
não pode continuar gastando sem nenhum controle.
A decisão de partir para o tudo ou nada
é somente o primeiro passo.
Depois da decisão, precisa haver atitude.
Há pessoas que se casam,
mas querem levar a vida de solteiras.
Resultado: o casamento fracassa.
Há pessoas que decidem ter filhos,
mas querem continuar a viver
como se os filhos não existissem.
Resultado, teremos crianças órfãs de pais vivos.
Lembre-se, há dois tipos de atitudes:
as atitudes tudo ou nada
e as atitudes mais ou menos.
Uma atitude mais ou menos sempre leva
a um resultado medíocre.
É importante entender com toda clareza que,
durante um processo de transformação radical,
a atitude de fazer um pouco de cada vez
nos trará resultados muito parecidos aos que teríamos
se não fizéssemos nada.
Quem quer fazer uma revolução na vida
precisa tomar uma atitude radical.
E, quando se toma uma decisão radical,
é preciso continuar caminhando
pela estrada que escolhemos com comprometimento,
determinação e fé.

Nossas atitudes devem ter a mesma intensidade
das decisões que tomamos.
Uma atitude tudo ou nada é mergulhar em um novo amor
como se sua respiração dependesse
da respiração do seu companheiro.
É sair da casa dos pais e cuidar de suas responsabilidades
como se houvesse apenas você no mundo
para pagar suas contas.
É aprender uma nova profissão
como se sua vida dependesse dessa empreitada.
É abraçar o novo emprego como se essa fosse
a última oportunidade de sua vida.
Porque é preciso correr atrás de nossos objetivos
com a determinação de um faminto
que anseia por um prato de comida.
Buscar a água como um homem perdido no deserto.
Dançar a música da vida
como se seu corpo e sua alma fossem
os instrumentos dessa música!
Afinal, se você romper as grades da gaiola,
mas não bater as asas para valer,
jamais poderá voar de verdade!

Roberto Shinyashiki
________________________________________________________________

I realize that people who decide
Transform Your Life
develop a special kind of attitude.
They are engaged in every action
as if his life depended on this effort.
They see the construction of the future as the only way to live
as do the officers with his soldiers
under unfavorable battle.
In other words,
decide to burn the bridges that allow backward.
These radical decisions, it is important to assume
also a radical behavior.
In groups of Alcoholics Anonymous is much talk
about the danger of taking a single glass of drink,
because the decision to stop drinking is to come
accompanied by an attitude of all or nothing.
A dependent parent who decides to live alone
can not be late to employment
because lost time.
Will at least buy an alarm clock effective
because there will be nobody to wake her up every morning.
An entrepreneur who is on the verge of bankruptcy
can not continue spending without any control.
The decision to go for all or nothing
is only the first step.
After the decision, there must be action.
There are people who are married,
but want to take the lives of singles.
Result: the marriage fails.
There are people who decide to have children,
but want to continue to live
as if the children did not exist.
Result, we orphans of living parents.
Remember, there are two types of actions:
attitudes all or nothing
and attitudes more or less.
A more or less always leads
a mediocre result.
It is important to understand very clearly that
during a process of radical transformation,
attitude to do a little at a time
will bring results very similar to those that would
if we did nothing.
Who wants to make a revolution in the life
need to take radical action.
And when taking a radical decision,
you must keep moving
the road we choose to compromise,
determination and faith.

Our attitudes should have the same intensity
the decisions we make.
An all or nothing attitude is to dive into a new love
as if his breath depended
the breath of your partner.
You leave the parental home and take care of their responsibilities
as if there is only you in the world
to pay their bills.
You learn a new profession
as if his life depended on this endeavor.
You embrace the new job as if it were
the last opportunity of his life.
Because you have to chase our goals
with the determination of a hungry
who longs for a plate of food.
Search the water like a man lost in the desert.
Dance to the music of life
as if her body and soul were
instruments that song!
After all, if you break the bars of the cage,
but not flapping in earnest,
can never really fly!

Roberto Shinyashiki